linha top 1
Governo Federal
Universidade Federal de Roraima

O material foi publicado digitalmente e será distribuído impresso nas comunidades das etnias do Estado. Os textos em português foram traduzidos para as línguas Ye’kwana, Waiwai, Taurepang, Ingariko, Wapichana e Macuxi por uma equipe de bolsistas e voluntários do projeto de extensão “Divulgação de informações sobre o Coronavírus nas línguas indígenas de Roraima”, coordenado pela professora Ananda Machado, do Instituto Insikiran de Formação Superior Indígena da UFRR. 

 

A iniciativa faz parte do Programa “UFRR no apoio ao enfrentamento à pandemia provocada pelo novo coronavírus (SARS-CoV-2)”, que engloba ações descentralizadas e multidisciplinares por intermédio de projetos de extensão em linhas como comunicação estratégica, desenvolvimento tecnológico, educação profissional, endemias e epidemias e saúde humana. 

ParceriaO material foi produzido por meio de uma parceria com o Conselho Indígena de Roraima, a Universidade Federal de Roraima (UFRR), Instituto Insikiran, Projeto Bem Viver, Nature and Culture International, Niatero e Coordenação das Organizações Indígenas da Amazônia Brasileira (Coiab) para traduzir do português para línguas indígenas. Os folhetos estão disponíveis na página web do CIR, por meio de links classificados por língua materna.

A distribuição impressa ocorre nas regiões da Serra da lua, Amajari, Serras, Raposa, Tabaio, Alto Cuamé, Baixo Cotingo, Murupú, Surumu e Wai-wai. A intenção é facilitar o acesso das etnias do Estado a informações que as ajudem a evitar casos de contaminação com o novo coronavírus.

Confira os links

http://cir.org.br/site/2020/06/10/covid-19-folders-em-linguas-indigenas-levam-informacao-a-comunidades-indigenas-de-roraima/

Com informações da Coordcom/UFRR e do CIR

arte na escola
ncontruir
itcpes